Quem Sou Eu?

Yara site seja benvindoSeja Bem Vindo

Chamo-me Yara Mylene Ures, sou uma artista plástica que vem incursionando pelas labaredas das artes desde a mais tenra idade, quando ainda mal sabia conjugar os verbos corretamente, mas já tinha despertado em si o fascínio pelas formas e pelas cores.

E foi neste contexto que cresci, sequer sem saber, narrando a minha história por entre as linhas que eu traçava.

A arte foi a ferramenta que adotei para comunicar ao mundo externo minhas ideias e opiniões, uma linguagem não verbal, onde se desconhecem barreiras ou quaisquer limites.

E assim, como quem não quer nada além de pintar ou desenhar, fui seguindo os meus passos, amadurecendo e me transformando de menina em mulher, me tornando mãe, até que num desses momentos difíceis da vida, acabei trombando com o mundo das flores e com o espírito curador que existe dentro delas. Foi aí que descobri o mundo da Terapia Floral.

Pesquisando sobre o comportamento das flores e sobre as possibilidades de cura que elas exibem, me dei conta, de que, o que eu havia feito afinal, quando me divertia trilhando por entre curvas e retas do abecedário desta língua chamada arte, era nada mais nada menos, do que ter relatado ao mundo a minha própria história de vida, pois os símbolos dos florais que eu mais necessitava, “coincidentemente” estavam presentes na minha obra, em telas que eu havia realizado décadas antes de me iniciar neste universo ou em textos os quais eu me deliciava escrevendo.

Foi aí, neste exato instante de minha vida, quando percebi que tinha um compromisso muito mais sério com a arte que simplesmente o de pintar por prazer ou por necessidade da minha alma. Eu precisava me comunicar com o mundo externo, porem desta vez não eram mais as minhas questões que estavam em voga, mas as questões das pessoas que me procuravam pedindo auxílio em suas jornadas de vida.

Para isso eu precisava de mais subsídios, algo que fosse além do empirismo que até então me acompanhara por décadas a fio, eu necessitava agora de um embasamento teórico e científico que me autorizasse a trabalhar com o outro usufruindo das infinitas possibilidades que a expressão artística oferece. Assim busquei me preparar para tal e me matriculei em uma especialização de Arte Terapia quando pude finalmente fazer uso da junção destes dois recursos fabulosos em meu trabalho terapêutico, unindo a arte à terapia floral.

Não satisfeita na minha curiosidade a cerca dos mistérios que envolvem o homem, acabei optando por uma profissão ainda pouco conhecida no Brasil, porém não no mundo exterior, e me tornei uma Naturóloga (buscar informações em Naturologia).

Desde então venho aprimorando e agregando meus conhecimentos a respeito do ser humano ao meu trabalho, tomando o cuidado para nunca esquecer-me de que somos muito mais do que apenas um corpo que se movimenta ou uma cabeça pensante; mas a união disso tudo mais um espírito que habita esse corpo, cuja alma nele se expressa, através de emoções.

Portanto sempre que uma pessoa adentra o meu consultório procuro me lembrar de que ali vem alguém cujo corpo, mente e alma se correlacionam e precisam estar em franca harmonia para que ocorra o equilíbrio deste ser.

Continuando na trilha desta estrada que sempre me conduziu ao encontro do ser, fui atraída para ao curso de Pós-Graduação em Psicologia Transpessoal pela ALUBRAT Associação Luso-Brasileira de Psicologia Transpessoal. Este percurso de mais dois anos na minha jornada de formação me conferiu a possibilidade de atuar como Terapeuta Transpessoal.

Para quem não sabe a Psicologia Transpessoal, tida como a 4ª força dentro da psicologia, é um ramo que busca a compreensão dos múltiplos estados de consciência e propõe a superação dos conflitos através de uma visão cosmo-holística. Ou seja, trata-se de uma abordagem que conduz o indivíduo á superação de si mesmo.

Concluindo, meu trabalho busca transformar a consciência humana por meio de tratamentos naturais que compõe o amplo quadro de abordagens dentro da medicina vibracional ou complementar, atuando sobre os padrões energéticos por meio da anatomia sutil e da aplicação de dinâmicas transpessoais.

Agora que você já me conheceu melhor, que tal passear pelo meu site e conhecer um pouco mais sobre este trabalho. Caso isso ainda seja insuficiente, você pode ir à minha pagina dos links e usufruir de algumas das sugestões oferecidas ou navegar pela internet em busca deste tema.